Terás a barriga maior que o devido? O teu perímetro abdominal é enorme? Descobre a resposta as essas perguntas no teste da corda que te trago hoje!

Podes esquecer as balanças, as aplicações para telemóveis e até os gadgets mais avançados. Porque tudo o que precisas para fazer este teste é de uma corda (e eventualmente de uma tesoura).

Sabes, durante muito pensei que os números na balança fossem os únicos a contar para a perda de peso…

Contudo hoje em dia sei que existem outros números que também importam.

Um deles é a percentagem de massa gorda (a massa magra também conta quando o objetivo é ganhar músculo).

Repara, uma mulher pode ter 80 quilos mas se tiver uma percentagem de gordura a rondar os 15-19% é porque tem uma baixíssima percentagem de gordura e muito provavelmente terá uma alta percentagem de massa magra.

Portanto… quando oiço a alguém a dizer o seu peso, a primeira coisa que pergunto logo é:

E qual é a sua altura?

E com a resposta percebo logo e se está acima ou abaixo do peso ideal…

Quer isto dizer que durante o teu processo de emagrecimento existem outros fatores a considerar.

Tais como:

  • Peso
  • % Massa gordura
  • % Massa magra
  • Medida do perímetro abdominal
  • Medida do braço
  • Medida da perna
teste da corda
Para fazer este teste da corda é necessário uma corda e eventualmente uma tesoura

Como Saber se Tenho o Peso Ideal Para Altura?

A melhor maneira de saber rapidamente se o teu peso corresponde à tua altura é sem dúvida usa uma calculadora para o efeito.

Com isso descobrirás o teu IMC – Índice de Massa Corporal – e assim saberás se estás com excesso de peso ou não.

Usa a calculadora abaixo e descobre por ti mesma se estás dentro ou fora dos parâmetros do IMC:

Powered by YAZIO

A fórmula utilizada para como calcular o IMC apresentado é m/l². Ou seja, pegaram no teu peso atual em quilos e dividiram pela atura em metros quadrados. A calculadora apresentada tem ainda em consideração a tua idade e o teu género.

O IMC é então revelado através de 4 indicadores:

  • Género
  • Idade
  • Altura
  • Peso atual

E os resultados podem variar:

  • 0,0-21,0 Abaixo do peso
  • 21,1-26,0 Peso saudável
  • 26,1-31,0 Sobrepeso
  • 31,1-40,9 Obeso
  • 41,0+ Obeso mórbido

E já que estamos a falar de números – e caso tenhas interesse – podes ainda espreitar como deves calcular o teu número de calorias diárias para conseguires emagrecer.

O Que é o Teste da Corda?

Após esta pequena introdução, vamos agora ver em que consiste este teste.

O teste da corda é uma formula simples de saber se tens excesso de peso, mais propriamente se tens excesso de gordura na zona abdominal.

Este tipo de gordura – a gordura visceral – é considerada como sendo uma das mais perigosas para a saúde e está associada a imensos problemas… como por exemplo o colesterol, as doenças cardiovasculares e até a diabetes.

Agora… ao contrário do IMC, o teste da corda associa a altura em relação à circunferência abdominal.

  • Ele não considera a relação altura/peso
  • Mas sim altura/perímetro da barriga

Assim sendo este teste da corda não determina o teu IMC.

O estudo em causa que encontrou este teste foi realizado na Cass Business School – City University – e os responsáveis por esta simples fórmula acreditam que estamos todos a viver numa falsa esperança quando confiamos no IMC.

Eles acreditam plenamente que o teste da corda é o mais enquadrado depois de analisarem mais de 300.000 adultos durante 2 anos!

A Dra. Margaret Ashwell – a principal impulsionadora desta análise –  vai mais longe e diz mesmo que este teste é mais confiável do que o Índice de Massa Corporal.

As pessoas estão vivendo com falsas esperanças se confiarem em seus valores de IMC. Temos que medir a coisa certa.”, Dra. Ashwell.

Como Fazer o Teste da Corda

Deixo abaixo as indicações para que consigas fazer o teste da corda:

  1. Pega numa corda e coloca-a na vertical junto ao teu corpo
  2. Pisa a pontinha que ficou no chão com o pé para ficar bem esticada
  3. Estica-a até ao topo da tua cabeça e corta-a com uma tesoura onde termina
  4. Terás agora a medida da tua altura
  5. Dobra ao meio a corda
teste da corda
A ideia é que tenhas uma corda dos pés à extremidade da tua cabeça

A primeira parte está feita. No fundo tens a medida da tua altura a dividir por 2.

Agora:

  1. Passa a corda desde as costas até à barriga (como se fosse um cinto)
  2. A corda deve ficar entre a última costela até ao osso da anca

Resultados com o Teste da Corda

Vamos agora a resultados!

  1. Se conseguiste dar a volta a toda a tua cintura, e se ainda sobrar corda… é porque o teu perímetro abdominal está dentro dos parâmetros.
  2. Caso não consigas unir as duas pontas da corda (dobrada ao meio) é porque o teu perímetro abdominal encontra-se maior do que o devido.
teste da corda
Este foi o meu resultado… ainda sobrou corda. Faz o teu teste e descobre o teu!

Relembro que o perímetro abdominal está relacionado com questões de saúde e que a gordura abdominal pode ser perigosa.

O teste é este!

 

Espero que tenhas gostado e que possas fazer o teu teste da corda em casa.

Partilha ainda os teus resultados na zona de comentários e conta a tua experiência.

Um abraço,

Luís

2 Replies to “Faz o Teste da Corda e Descobre o Estado do Teu Perímetro Abdominal

  1. Excelente post!
    Tenho 27 anos, 42,1kg e 153cm de altura. Gordura visceral 1%, massa muscular 36% e massa gorda 15%… porém tenho alguma gordura localizada na zona abdominal que não consigo perder. Estou em défice calórico e a praticar musculação 4x por semana, mas está difícil ver resultados!
    De momento não tenho corda em casa para fazer o teste, mas dividindo a minha altura por 2 dá 76,5 cm, e sei que de perímetro abdominal tenho 80cm (medindo abaixo do umbigo, na zona mais saliente da barriga). Acho que sou o exemplo perfeito de má genética ehehe

    Será que tens algumas recomendações para me dar?
    Continuação de bom trabalho!

    1. Olá Patrícia.

      Obrigado pelo teu comentário.
      Não te conhecendo melhor torna-se difícil de te dar mais conselhos.
      Posso te dizer que 80% dos resultados vêm da alimentação, isso terá sempre que ser o teu principal foco.
      Depois 10% dos treinos e 10% do restante (descanso, suplementação, intake de água, etc…).

      Lembra-te também que não dá para perder gordura apenas numa zona do corpo, ao perderes massa gorda perdes em todo o corpo.

      Continua o teu défice, os teus treinos e vai registando os progressos. Depois é só reajustar o que houver para melhorar.

      Caso precises de algo mais especifico podes entrar em contacto direto comigo por email: luis@pratofitness.blog

      Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *