Para fechar a trilogia dos artigos sobre a menopausa, hoje vou dar-te a conhecer um suplemento para emagrecer na menopausa acompanhado de uma série de extras, sendo que cada uma delas tem um papel importante nesta fase tão complicada para a perder peso.

A verdade é que existem vários suplementos para emagrecer na menopausa, sendo que cada um deles dá o seu contributo para a tua jornada…

Contudo aquilo em que te deves focar verdadeiramente é na tua alimentação e no exercício, tal como explicado neste e neste artigo. Sem essa base, garanto-te que não há suplemento que te possa ajudar.

Agora… se já tens algumas noções sobre alimentação para perda de peso e se já fazes algum tipo de atividade física, então já podes pensar em suplementos, nomeadamente num suplemento para perda de peso na menopausa.

De Jovem-Adulta à Menopausa. Quantas Calorias Precisas?

Obviamente que só fazendo as contas matemáticas é que se saberá qual o teu intake calorico diário para a perda de peso, ou seja, terás que encontrar o teu défice calorico.

O défice calorico é quando consomes menos calóricas daquelas que precisas para as tuas atividades diárias, tendo o organismo que ir buscar energia à gordura que acumulada.

Reforço ainda que esse défice tem que ser mantido por algum tempo… não bastam 4 ou 5 dias para que vejas uma grande transformação, tens que ser persistente

(Vê ainda Quanto Tempo Demora a Emagrecer)

Posto isto vou deixar aqui quantas calorias precisas consoante a tua idade, caso leves um estilo de vida sedentária.

Claro que se fores ativa, entre outros fatores a ponderar, esses requisitos mudarão….

Por exemplo, uma mulher grávida precisa de cerca de 300 calorias extras por dia; uma mulher na menopausa mas que pratique desporto precisa de mais hidratos, de mais proteína, de mais gordura, o que se traduz em mais calorias.

Esta é uma tabela meramente indicativa:

  • 20 anos = 2000 calorias
  • 21-25 anos = 2000 calorias
  • 26-30 anos = 1800 calorias
  • 31-35 anos = 1800 calorias
  • 36-40 anos = 1600 calorias
  • 41-45 anos = 1600 calorias
  • 46-50 anos = 1500 calorias
  • Mais de 51 anos = 1500 calorias

Como podes ver a tua ingestão calórica vai diminuindo desde a fase jovem-adulta até a fase adulta… sendo que na menopausa deves comer menos para conseguir emagrecer.

Agora… seria necessário um site inteiro para descrever as necessidades nutricionais exatas para uma perda de peso saudável na pré-menopausa e na menopausa, contudo já deu para ficar com uma boa ideia do que é necessário:

Uma diminuição calórica com o avançar da idade.

Legumes e Folhas Verdes

Estes sim… talvez sejam os melhores “suplementos” para emagrecer na menopausa…

Se ainda não os incluis na tua alimentação fica a saber que eles combatem os indesejáveis sintomas dessa fase.

Geralmente quanto mais vegetais, melhor… eles têm poucas calorias e a sua ingestão a longo prazo contribuirá para o teu emagrecimento.

Podem ser necessárias algumas mudanças no estilo de vida, mas tenta incluir cada vez mais estes alimentos nas tuas refeições:

  • Couve
  • Rúcula
  • Espinafre
  • Agrião
  • Dente-de-leão verde
  • Urtigas (sim, há receitas de sopa de urtigas)
  • Brócolos
  • Repolho
suplemento para emagrecer na menopausa brocolos
Nem toda a gente gosta… esta sopa é indicada para mulheres na menopausa

Quanto a frutas, e se estás na minha lista de emails, saberás que há uma receita de Biomassa de Banana Verde que podes incluir para a perda de peso durante a menopausa.

Estrogénio – Esse Problema na Menopausa

O fitoestrogénio é um estrogénio natural que aumenta os níveis de estrogénio do corpo.

Como vimos nos artigos passados, a ausência dele é um dos responsável ​​pelos sintomas da menopausa, como as “ondas” de calor, os suores e ganhos de peso na menopausa.

Nesse sentido tenta aumentar a ingestão de frutas e vegetais que contenham fitoestrogénio – isoflavonas.

As isoflavonas são fitoestrogénios com atividade estrogénica – ou seja, aquilo que precisas para produzir estrogénio durante a menopausa e começar a emagrecer.

Alguns exemplos:

  • Sementes de linhaça
  • Uvas
  • Grão de bico
  • Amendoim
  • Tofu
  • Aveia
  • Cevada
  • Soja
  • Maçãs
  • Cenouras
  • Lentilhas
  • Cúrcuma
  • Iogurte de soja
  • Leite de soja

Para além de aliviar os sintomas da menopausa, a maior parte destes alimentos é baixo em calorias pelo que são aptos a qualquer dieta para perda de peso.

Lacticínios e a Menopausa

Existem alguns estudos realizados sobre o consumo de laticínios antes, durante e após a menopausa.

Houve um estudo de Harvard que diz que não há correspondência entre a osteoporose e o consumo de laticínios – ao que parece o treino de força durante a menopausa é melhor do que consumir simplesmente lacticínios.

Como também sabemos alguns produtos lácteos são uma fonte significativa de gordura que pode causar ganho de peso. Embora o consumo moderado seja bom, não é recomendável exagerar na ingestão de leite, iogurtes e queijos… especialmente nas suas versões meio-gordo e gordo.

>> Agora… quando se trata de mulheres na perimenopausa e na menopausa, um boost extra de cálcio e vitamina D pode dar um reforço necessário à tua saúde.

Sabemos que as mulheres nessas fases precisam de mais cálcio e vitamina D (por exemplo, o leite é geralmente fortificado com vitamina D).

Proteína e a Menopausa

Este é o principal macronutriente a considerar na menopausa… há muitas mulheres nesta fase que apenas consomem proteína ao almoço e ao jantar (sendo que às vezes nem ao jantar, ficando apenas pela sopa).

Consumir proteína é importante durante a menopausa devido à perda de massa muscular, a chamada “sarcopenia”.

Na fase da menopausa, e em termos gerais, a ingestão de proteína recomendada é de 10 a 35-40% de suas calorias diárias.

Aqui não vou entrar em grandes detalhes mas tenta colocar um pouco de proteína em todas as tuas refeições. Ficarás mais saciada e contribuis simultaneamente para manutenção da tua massa magra.

O Suplemento Nº1 Durante a Menopausa

A redução do nível de estrogénio é um dos grandes causadores da dificuldade de queimar gordura na menopausa.

Os ovários, que eram o principal produtor do estrogénio, deixam de funcionar na menopausa… e com isso há uma grande queda da sua produção!

E quando essas alterações hormonais acontecem, refletem-se na constituição da mulher.

Ora com a diminuição da produção de estrogénio pelos ovários, as células de gordura entram agora em ação para continuar “essa tarefa”.

>> O corpo passa então a entender que é preciso produzir mais células de gordura para manter o equilíbrio hormonal…

Em termos gerais e simplificado é isto que acontece:

Não há estrogénio? Então toca a ir buscá-lo às células de gordura… logo precisamos de mais gordura para produzir estrogénio.

E essa “troca” de papéis entre “ovários-células de gordura” acaba por ser refletido no teu aumento de peso.

Ora para que não haja necessidade de produzir mais gordura na busca de estrogénio, podes optar por tomar um suplemento!

É aqui que entram as tais isoflavonas que vimos acima (tópico Estrogénio – Esse Problema na Menopausa).

E um bom exemplo disso são as Isoflavonas de Soja em Suplemento.

Usa o código PRATOFIT10 no 4º passo para ganhares um desconto de 10% nesse suplemento!

suplemento para emagrecer na menopausa soy
Clica na imagem e usa o código PRATOFIT10 para ganhares 10% de desconto!

Para além de aliviar os sintomas da menopausa, ajuda ainda a emagrecer…

Sabe mais e encomenda aqui este suplemento.

O Que Dizem Sobre o Soy Isoflavones

Este suplemento tem uma média de 4,5 estrelas em 5 possíveis!

Existem mais de 150 comentários no site da Prozis…

Seguem alguns exemplos do que podes encontrar por lá:

suplemento para emagrecer na menopausa 0

suplemento para emagrecer na menopausa 6

suplemento para emagrecer na menopausa 1

suplemento para emagrecer na menopausa 2

suplemento para emagrecer na menopausa 7

suplemento para emagrecer na menopausa 3

suplemento para emagrecer na menopausa 4

suplemento para emagrecer na menopausa 8

Outros Suplementos Para Emagrecer na Menopausa

A lista é extensa…

Desde termogénicos, a inibidores de apetite ou até proteína whey, há de tudo…

Contudo deves olhar para o problema em si: a menopausa e todos os seus sintomas.

Nesse sentido, deixo-te uma pequena lista que podes também considerar:

1) Cálcio

O cálcio é um suplemento importante para a pré-menopausa e deve ser tomado por mulheres de todas as idades. É especialmente importante para prevenir a osteoporose que pode surgir na fase da menopausa.

aqui um exemplo de cálcio em suplemento.

2) Cúrcuma

A cúrcuma é uma erva que possui propriedades anti-inflamatórias bastante eficientes, graças à presença de um composto conhecido como curcumina.

A curcumina atua como um fitoestrogénio e pode imitar os efeitos do estrogénio no corpo (onde é que já vimos isto?)

Encontra-a aqui.

3) Moringa

É perfeita para mulheres que estão na menopausa porque melhora o metabolismo, ajudando simultaneamente no controle do peso.

Ela também contém vitaminas B, C, A e outros elementos como potássio e beta-caroteno.

4) Multi Women 35+

Estamos perante fórmula multivitamínica que mistura um conjunto único de vitaminas, minerais e extratos vegetais num único suplemento.

É especialmente concebido para mulheres com mais de 35 anos.

Podes ver aqui.

5) Probióticos

Os probióticos auxiliam a digestão e evitam o ganho de peso na menopausa, além de dar um impulso quando tentas te livrar dos quilos indesejados e do inchaço causado por mudanças hormonais.

6) Colágenio

O colágenio é um suplemento importante durante a menopausa. Ele ajuda a manter a elasticidade da pele e ajuda a prevenir a flacidez – situações verificadas com a tal sarcopenia que falei acima.

Quando a mulher entra na menopausa, o seu colágenio diminuir em até 50%. Suplementar passa a ser uma opção a considerar.

suplemento para emagrecer na menopausa colagenio
O colagénio ajuda a manter a elasticidade da pele

Podes encontrar colagénio em suplemento aqui.

7) Health Pack – Women

Aqui não é bem um suplemento mas um conjunto de suplementos que podes considerar.

Neste Healt Pack – Women encontras 4 suplementos básicos especialmente produzidos para mulheres.

Tens ómega, proteína whey, colagénio e extrato de arando.

aqui.

Relembro que podes ganhar 10% de desconto em todos os suplementos da Prozis se usares o código PRATOFIT10 no 4º passo da encomenda.

 

Este foi o meu artigo sobre o suplemento para emagrecer na menopausa!

Lembra-te nesta fase de dar prioridade a suplementos que contenham fitoestrogénio – isoflavonas – mas também à tão estimada proteína whey para a manutenção da tua massa muscular.

Um abraço,

Luís

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *